Acessibilidade Inclusiva

Um ação voluntária para ajudar o próximo

Aumentar Fonte | Fonte Normal | Diminuir Fonte
Postado por Marcello Fernandes em novembro - 7 - 2012 0 Comentários

Espetáculo de dança contemporânea na Biblioteca Pública do Rio Grande do Sul terá audiodescrição da Tagarellas Produções no dia 10 de novembro Com entrada franca, Não Me Toque Estou Cheia de Lágrimas – Sensações de Clarice Lispector estará acessível a pessoas com deficiência visual em Porto Alegre.
Não Me Toque Estou Cheia de Lágrimas – Sensações de Clarice Lispector, espetáculo do GEDA Companhia de Dança Contemporânea, terá uma de suas sessões acessível a quem tem deficiência visual. Será no próximo sábado, dia 10, a partir das 17h, na Biblioteca Pública do Rio Grande do Sul (Rua Riachuelo, 1190 – na esquina da Rua General Câmara, atrás do Palácio da Justiça), em Porto Alegre. A produção da audiodescrição é assinada pela Tagarellas Produções, com roteiro de Mimi Aragón, consultoria de Felipe Mianes e Mariana Baierle e narração de Marcia Caspary. O espetáculo tem entrada franca, mas a lotação máxima é de 40 pessoas. As senhas devem ser retiradas no dia da apresentação, na própria Biblioteca, a partir das 16h. A audiodescrição, que incluirá um breve relato da coreógrafa Maria Waleska Van Helden, inicia-se às 17h20 e o espetáculo, às 18h.
Concebido por Maria Waleska e dirigido cenicamente por João de Ricardo, o espetáculo de 45 minutos, distribuídos em três atos, percorrerá seis ambientes da Biblioteca Pública, cujo prédio está sendo restaurado desde 2006 e foi parcialmente reaberto ao público no final de outubro. As pessoas cegas ou com baixa visão acompanharão a ação com a ajuda de guias e poderão conhecer detalhes sobre os cenários, figurinos, iluminação, movimentos, gestos, expressões, projeções e tudo o que for relevante para a compreensão da narrativa coreográfica. Um equipamento portátil de transmissão e recepção de áudio dará à narradora da audiodescrição e ao público a mobilidade necessária nas dependências da Biblioteca.
Os três atos de Não Me Toque Estou Cheia de Lágrimas – Sensações de Clarice Lispector (Nascimento, Infância e Compulsão) foram inspirados na vida da escritora nascida na Ucrânia e naturalizada brasileira, que morreu em 1977, tempos depois de conceder entrevista histórica à TV Cultura (http://youtu.be/djj_gdxUrPI), uma das referências utilizadas por Maria Waleska na concepção da coreografia. A bailarina solista que dá vida à Clarice é Fabiane Severo. Catarina Leite Domenici assina a trilha sonora ao lado de James Correa e participa do espetáculo com piano e voz.
- Não Me Toque Estou Cheia de Lágrimas – Sensações de Clarice Lispector.
- Sessão com audiodescrição no dia 10 de novembro, sábado.
- Biblioteca Pública do Estado do Rio Grande do Sul (Rua Riachuelo, 1190 – na esquina da Rua General Câmara, atrás do Palácio da Justiça).
- Início da audiodescrição às 17h20. Espetáculo começa às 18h.
- Entrada franca.
- 40 lugares.
- Senhas distribuídas no local, no dia da apresentação, a partir das 16h.
- Produção do espetáculo: GEDA Companhia de Dança Contemporânea.
- Produção da audiodescrição: Tagarellas Produções.
- Informações sobre a audiodescrição: tagarellasproducoes@gmail.com | (51) 8118.9814 e (51) 8451.2115.

Descrição do cartaz digital
O cartaz do espetáculo é vertical. O texto, em vermelho e branco, foi aplicado sobre uma fotografia colorida. Nela, à esquerda, uma mão feminina de lado segura, entre o indicador e o dedo médio, um cigarro aceso. A palma está apoiada na folha de madeira crua de uma janela ou porta entreaberta. Uma luz suave sobre os dedos destaca a fumaça esbranquiçada do cigarro. Ao fundo, desfocada, uma superfície decorada com arabescos. A cremona da janela ou porta é dourada e tem desenhos rebuscados. À direita, por trás da vidraça esverdeada e com relevo floral, insinua-se a tênue silhueta da mulher que fuma. De frente, ela comprime levemente os dedos da outra mão contra a vidraça. O texto do cartaz está em caracteres como os das máquinas de escrever. Em um rodapé branco, logo abaixo da foto, as logomarcas dos patrocinadores, apoiadores e realizadores.
Ministério da Cultura e Triunfo Concepa apresentam… Não me toque estou cheia de lágrimas. Sensações de Clarice Lispector.
Data: de 03 a 11 de novembro de 2012.
Local: Biblioteca Pública do Estado do Rio Grande do Sul. Rua Riachuelo, 1190 – Centro – Porto Alegre.
Horário: 20h. Nos dias 04, 10 e 11 de novembro, sessões duplas às 18h e às 20h. No dia 10, às 18h, sessão para deficientes visuais com audiodescrição. Entrada Franca. Senhas no local com 2 horas de antecedência.
Patrocínio: Lei de Incentivo à Cultura e Triunfo Concepa.
Apoio: Avante Filmes, Severo Roth – Desde 1963 e BPE – Biblioteca Pública do Estado do Rio Grande do Sul.
Realização: Secretaria da Cultura – Rio Grande do Sul – Governo do Estado, Ministério da Cultura, Brasil – Governo Federal – País Rico é País Sem Pobreza. (fim da descrição).

Fonte: E-mail da Sra. Mimi Aragón

Postar no Twitter Curtir no Facebook
Categorias: Música_Dança, Notícias

Deixe uma resposta

You must be Logado como to post a comment.

Blog's e Sites relacionados

Qualificação para Deficiente

Uma nova etapa na qualificação de pessoas com deficiência visual foi lançada pela Associação de ...

Síndrome de Williams

Associação Brasileira da Síndrome de William A SWB é causa da pela perda (deleção) de alguns genes ...

gif_videos

Sara Bentes na Reatech 2012 -

Música "Pra quê" Sara Bentes - Reatech 2012

logo escrito notícias em letra vermelha e fundo branco

Programa oferece 150 vagas par

Os interessados em participar do programa "Viver Melhor – Atividades Motoras", do Governo do Amazonas ...

Vídeos Interessantes

  • Vídeo da música PRA QUÊ, de Sara Bentes
  • Vídeo da apresentção do GRUPO CORPO EM MOVIMENTO